Publicado: 25/07/2018 - Atualizado por última vez: 26/07/2018

Funil de conversão na prática: primeiros passos da implementação

Descubra como aplicar a metodologia do funil de conversão no seu negócio com dicas práticas para implementação. Leia o artigo para saber mais.

Marcela Batista de Souza

Publicado por:Marcela Batista de Souza

Copywriter

Funil de conversão é um conceito que se popularizou recentemente, apesar do termo ser um tanto antigo. Cunhado por Elmo Lewis, a metodologia apresentada no ano de 1898 descreve a trajetória natural de um cliente em seu processo de compra.

Com o passar dos anos, muitos segmentos do mercado viram o funil de conversão como uma metodologia que revolucionaria a relação negócio e cliente. De fato foi o que aconteceu, hoje já se pode encontrar a metodologia aplicada nos mais diversos setores de uma empresa.

Você já deve ter ouvido falar desse termo e sobre sua aplicação nos setores de growth hacking, marketing ou vendas de um negócio, certo?

Preparei neste artigo algumas dicas para você que deseja implementar essa metodologia no seu negócio/setor.

Continue lendo para descobrir quais os pontos principais para se atentar no momento de implementação do funil de conversão. Acompanhe:

Entendendo a estrutura do funil

O funil de conversão é a metodologia que visa trabalhar de maneira adequada diferentes estágios do seu potencial cliente quando ele está em busca de uma solução oferecida pelo seu negócio.

A figura do funil pode ser resumida da seguinte maneira:

funil de conversão

Funil do Marketing

No marketing digital, essa metodologia é utilizada para trabalhar (qualificar) de maneira adequada determinado usuário desde o seu primeiro contato com a empresa (visitante) até que se torne de fato uma oportunidade de negócio (SQL).

O funil do marketing determina o que será trabalhado com o lead durante seu processo de compra, os formatos de conteúdo mais adequados para cada estágio, quais ações o visitante deve realizar para que se defina se ele está ou não pronto para se tornar um cliente, entre outras. No marketing, o funil é aplicado da seguinte maneira:

Funil do Marketing

Assim como o funil de vendas e do Growth Hacking, cada estágio do funil de conversão do Marketing tem uma finalidade específica, acompanhe:

  • Atração: Gerar tráfego para site/blog conquistando visitantes com conteúdos genéricos que o levem a descobrir determinado problema que seu negócio pode solucionar.

  • Conversão: Tornar visitantes em leads através da oferta de materiais mais profundos como e-books que levem o usuário a compreender seu problema.

  • Nutrição: Qualificar os leads conquistados no estágio anterior de modo que se aprofundem na compreensão de seu problema e passem a considerar uma solução.

  • Venda: O objetivo desse estágio é levar os leads já qualificados pelo estágio anterior a considerar a solução que o seu negócio oferece, apresentando a ele cases de sucesso da sua empresa, entre outras ofertas.

Implementando a metodologia no seu negócio

Após entender como funciona o funil de conversão, precisamos falar sobre como você pode aplicar ele da melhor maneira para o seu negócio. Selecionei alguns passos essenciais para que sua estratégia de funil se torne eficaz em sua implementação.

Lembrando que as dicas dadas a seguir são válidas para todos os setores que utilizam o modelo de funil de conversão (marketing, growth hacking, vendas, entre outros).

Vamos lá:

Construa uma estratégia

O princípio do funil de conversão é o entendimento da jornada pela qual seus consumidores passam desde o primeiro contato com sua empresa até que se tornem de fato uma oportunidade ou cliente.

A partir da compreensão do comportamento do seu cliente durante o processo de compra, é possível traçar em quais momentos dessa jornada e de qual forma será realizado seu contato com ele, construindo uma estratégia que definirá sua relação com o mesmo.

Analise seu público alvo e se possível construa uma persona para uma análise mais detalhada do seu potencial cliente. É interessante também, realizar um estudo sobre outras empresas da sua área de atuação, dessa forma será possível obter uma visão macro de quais estratégias podem ou não dar certo para o seu negócio.

Respeite sempre o estágio do funil em que seu consumidor se encontra, pois o funil deve trabalhar o processo de compra de maneira natural, estabelecendo uma relação real com seu cliente.

Busque ferramentas de automação

Um dos erros mais comuns na implementação do funil de conversão nos negócios é não utilizar ferramentas de automação para organizar os fluxos e processos realizados dentro do funil.

As ferramentas de automação são muito importantes para a implementação dessa metodologia, isso porque através delas é possível organizar, controlar e analisar de maneira eficaz cada estágio do funil e as ações realizadas dentro dele, reduzindo os erros operacionais causados por desorganização e oferecendo visão macro dos processos realizados pela equipe.

Você pode utilizar as ferramentas de automação para controlar sua base de clientes, disparar e-mail marketing, agendar contatos (ligações, reuniões presenciais entre outros) e monitorar os andamentos dessas ações.

Além disso, os relatórios oferecidos pelas ferramentas de automação facilitam o entendimento de qual estágio do funil está mais carente de ações e onde seus esforços devem ser direcionados, facilitando também a visualização de quais oportunidades estão sendo perdidas.

Recomendamos as seguintes ferramentas de automação de funil de conversão:

Defina metas de conversão

funil de marketing metas

Após a compreensão do potencial de conversão que sua estratégia possui, o próximo passo é a definição de metas de conversão. Através das metas se pode avaliar o desempenho de cada um dos estágios (até mesmo setores e ações) obtendo futuramente uma visão melhor sobre seus resultados.

Integre todos os membros do seu time

integração de equipe

Para que a estratégia construída para o seu funil de conversão obtenha bons resultados, é imprescindível que todos os membros do seu time estejam conscientes das ações que devem realizar em cada um dos estágios do funil e como deverão lidar com cada situação que possa aparecer.

Além de reduzir os erros, os membros do seu time poderão te dar sugestões de otimizações que podem ser realizadas para melhorar o desempenho de sua estratégia. Afinal, duas mentes sempre pensam mais do que uma, certo?

Analise

No funil de conversão a análise é indispensável. Verifique cuidadosamente quais resultados estão sendo obtidos com suas ações dentro do funil e quais ações podem ser realizadas para maximizar esses números.

analise funil de conversão

Caso os resultados obtidos não sejam satisfatórios, tente realizar uma análise minuciosa nas etapas do funil e verificar onde estão possíveis falhas da sua estratégia, aplique otimizações e teste a eficácia das ações.

Conclusão

As práticas propostas pela metodologia do funil de conversão são uma maneira de criar fluxos eficazes dentro do seu negócio, independente do setor em que o mesmo esteja sendo utilizado, seu uso facilita a compreensão de processos e auxilia na otimização deles.

Através do uso correto dessa ferramenta, você irá trabalhar de maneira adequada com cada um dos seus clientes, estando ciente de em qual estágio da compra ele está, seus resultados serão maximizados e suas ações mais eficientes.

Nesse artigo vimos o que é o funil de conversão e algumas dicas valiosas para o momento de implementar esse modelo de trabalho em um negócio. Essa metodologia muitas vezes parece assustadora, mas seguindo as dicas passadas aqui, você irá melhorar cada vez mais seus processos internos. Assine nossa newsletter para receber conteúdos como esse.

Acompanhe o que há de mais recente no mundo digital.

Mantenha-se atualizado

Informe seu e-mail para receber dicas valiosas para alavancar seu negócio.